quarta-feira, 18 de novembro de 2009

"Deus criou o homem e dotou-o de inteligência
O homem criou a máquina e quer lhe transferir autonomia."

6 comentários:

Vinicius Sotter disse...

Parabens brother... Excelente blog...
Pow.. ficou mto show de bola...

Faz um pra mim tbm.. ahaauh

tinhoo disse...

Já sabia que era bom com as palavras , agora que era um pensante do século21 eu tava por fora
rsrs. to te seguindo retribui lá negoh

Jhonatan Melo disse...

"Pensante do século XXI"? Obrigado. Não havia pensado nisso.

João Costa. disse...

Apesar de eu ser muito céptico em relação a Deus (e levo muito nome de ateu devido a isso) vou tomar a vossa perspectiva e traçar minha humilde interpretação de vosso poema:

O homem quer por fina força ser Deus e transferir para suas fúteis criações os ares sublimes daquilo que Deus criou.

Gostei muito de vosso poema, filosófico e profundo!
Belo trabalho!
Até mais.

Talles azigon disse...

e quão verdade é Jhonatan.

eu que não consigo mais viver sem suas visitas.

abraços

Renata De Souza disse...

Quanto mais passa o tempo, qnto mais longe estamos, qnto mais tudo acontece, mais eu sinto orgulho de vc! Já disse q amo o q vc escreve? Pois eu amo! Vc sabe exatamente como, quando e o que dizer. Amo vc, melhor parte de nós! Adorei muito esse texto! Tudo bem, eu sou suspeita, eu adoro tudo o que você escreve!